Homem, segurando o celular com uma mão e guidão da bike com a outra mão - Foto: Pexels

Strava – por que todo ciclista precisa começar a usar essa rede social?

Strava. Você sabe o que exatamente é esse aplicativo?

O nome pode até ser diferente, mas estou falando aqui de uma das maiores redes sociais de ciclistas (e outros esportes).

E olha, nós, brasileiros, estamos ocupando o 2º lugar no aplicativo, posição super privilegiada se considerarmos que existem mais de 10 milhões de ciclistas por lá.

Agora, será mesmo que esse aplicativo é “tudo isso” que dizem para quem curte pedalar? Será que o Strava funciona?

Bom, se ficou curioso(a), é só continuar com a leitura.

O que é Strava?

Homem apoiado numa bicicleta azul enquanto mexe no celular - Foto: Pexels

Strava é um app de para ciclistas acompanharem seu progresso, compará-lo com outros atletas, podendo até entrar em um ranking mundial. Loucura, né?

Você também pode definir metas e ver como está progredindo em direção a elas, além de compartilhar suas conquistas com amigos.

Vale dizer que mesmo que o público-alvo do app sejam ciclistas, é possível aproveitá-lo em percursos de outras atividades, como, por exemplo, em corridas.

O aplicativo foi criado em 2009 pelos amigos Michael Horvath e Mark Gainey quando ainda eram estudantes da Universidade de Stanford.

O nome dele sempre foi esse?

Foi inicialmente chamado de “Super Awesome Activity Tracker de Justin”, mas a empresa mudou seu nome, para o que conhecemos hoje, em dezembro de 2009.

A empresa vem crescendo, expandindo de algumas centenas de usuários para mais de 10 milhões em todo o mundo.

Duas versões em um só

O mais interessante é que o app conta com uma versão gratuita, com algumas limitações, e uma paga, com todas as funcionalidades liberadas para que você dê pedaladas por aí aproveitando o melhor do app de ciclistas. Funciona para Android e iOS.

Como o Strava funciona?

Ciclista pedalando com sua bike - Foto: Pexels

No último tópico você já entendeu meio por cima como o Strava funciona. Viu, inclusive, que ele serve para outras atividades, como as corridas, e agora é hora de entrar nos detalhes. 

Quando o assunto é percurso, o app reúne vários dados interessantes para analisar o seu desempenho, então se prepare para ter uma visão geral da velocidade, distância percorrida, batimentos cardíacos e gasto calórico.

Por falar nesse monitoramento, também é possível acompanhar a sua rota no mapa e a altitude alcançada.

Com todas essas informações das suas atividades, o Strava faz um relatório e já aproveita para fazer um histórico das suas pedaladas.

E isso é ouro. Afinal, com isso você consegue analisar com facilidade seu desempenho, entendendo o que pode ser melhorado para bater mais rápido suas metas. 

Uma outra funcionalidade é o planejamento de rotas.

Planejamento de rota

Com essa funcionalidade, você consegue ver TUDO sobre a rota que está planejando encarar no seu pedal, como uma estimativa da quilometragem que será rodada, percursos, distância e até se existem subidas e descidas pelo caminho.

Sensacional que, além de acompanhar suas atividades, esse é um app de rastreamento movido por gps, né?

E o bacana é que o Strava está no grupo das “redes sociais”, então você pode se conectar com os seus amigos e outros atletas.

Você não precisa ter só seus amigos, como também pode seguir os ciclistas famosos, porque, sim, existem vários no aplicativo.

Por que usar o Strava?

Desenho de uma bicicleta no chão, com várias folhas caídas amarelas - Foto: Pexels

Se você chegou até aqui, está mais do que claro porque todo mundo que curte pedal deveria ter o Strava instalado no seu smartphone

Mas se ainda está em dúvida se vale tudo isso mesmo, separei alguns motivos.

Motivos para usar o app

  • Você terá muito mais controle sobre a sua atividade no pedal.
  • Você terá a possibilidade de acompanhar de perto o seu desempenho no exercício, como sua velocidade e batimentos cardíacos, podendo dar adeus à dúvida que sempre bate sobre a sua evolução, por exemplo.
  • Você terá a chance de conhecer pessoas que, assim como você, amam pedal e adoram a ideia de poder acompanhar o desempenho no esporte.
  • Você terá um empurrão, já que o aplicativo acaba funcionando como uma espécie de comunidade do esporte, em que as pessoas se motivam, se desafiam no pedal e interagem o tempo inteirinho.
  • Você terá a chance de ver de perto o treinamento de ciclistas famosos, podendo até adaptar os exercícios nas rotas que tem acesso.
  • Você terá a chance de criar suas próprias rotas, sabendo exatamente o que te espera nos diferentes “mapas”.
  • Você terá uma nova rede social para explorar, afinal, ainda com todos os recursos para facilitar o treino, o Strava ainda promove toda essa interação, né?

Lembrando que está disponível para dispositivos que operam tanto no Android quanto iOS. E vale dizer que também existe a versão paga do Strava.

A versão paga desse app de ciclistas é chamada de Strava Summit, e conta com vários recursos interessantes. Veja detalhes abaixo.

Strava Summit – A versão paga

Homem de pé na rua, com o celular na mão, usando um boné, óculos e mochila nas costas - Foto: Pexels

Pensa no Strava, que você consegue monitorar de forma fácil sua atividade, acompanhando vários pontos do seu desempenho no treino, como a própria velocidade, seja no pedal ou na corrida.

Pensou?

Pois bem, o Strava Summit conta com ainda mais recursos para seus exercícios, com ainda mais coleta de dados, bem interessantes para quem curte pedalar. 

Na versão paga você conta com três pacotes de conteúdo: treinamento, segurança e análise.

Treinamento

Aqui você conta com vários programas diferentes que possuem apenas um objetivo: te ajudar em alguns segmentos bem específicos. 

E quais são? Boa pergunta! Pois bem, você terá ajuda do Strava para conseguir melhorar seu ritmo, batendo-o com mais facilidade.

Segurança 

Aqui você conta com a possibilidade de compartilhar sua rota em tempo real com quem você quiser, seja amigos ou familiares. 

Isso, como o próprio nome da modalidade entrega, é uma questão de segurança. 

Serve para que, caso dê algum problema, as pessoas possam ir até você de forma rápida, para te socorrer.

Isso é útil para todos os ciclistas, mas se você costuma rodar esse Brasil sozinho, fazendo trilhas ou percursos super longos, é ainda mais útil, né?

Análise

Aqui você consegue analisar seu progresso.

E isso significa que o Strava te ajuda a controlar o nível do seu treino, de forma que fará com que você consiga colocar uma boa dose de potência na sua atividade.

Além disso, nessa modalidade você também consegue avaliar e acompanhar dados da sua evolução com o gráfico Fitness e Freshness, disponibilizado pelo aplicativo.

Como usar o Strava?

Homem segurando um celular com as duas mãos - Foto: Pexels

Você já sabe sobre esse app que promove vários desafios e até funciona como um gps nas pedaladas, e está convencido(a) de que já precisa ter esse aplicativo para suas próximas aventuras. Mas como usar, afinal?

Essa é a pergunta que vou responder agora, nessa parte do conteúdo, amigo ciclista. 

Você pode usar o Strava tanto pelo smartphone quanto pelo computador.

Pelo celular, o primeiro passo, claro, é fazer o download

Partindo do fato de que é a primeira vez que utiliza esse aplicativo, assim que terminar de instalá-lo e abrir no seu celular, precisa criar sua conta usando um endereço de e-mail válido.

Depois de inserir um e-mail válido, criando sua conta, assim como todas as outras redes sociais, o Strava vai te sugerir algumas pessoas para que você adicione. Caso queira seguir adicionando, é só clicar em “seguir”.

Para ser apresentado às funcionalidades e configurar sua conta, acesse o menu, que está no canto superior, do lado esquerdo da tela. 

O menu é um show à parte, e você pode ver TUDO sobre a sua atividade no app.

Você pode selecionar várias opções, como configurações, visualização de feed, gravação de treinos, participação de desafios e clubes, conferir vídeos de treinamentos e até explorar segmentos. 

Não tem muito mistério, né? Agora deixa eu te mostrar como usar o Strava pelo computador.

Já no computador, o primeiro passo é acessar o site do Strava e fazer login

Feito isso, é só fazer login na sua conta para ver sobre suas atividades e amigos. 

O computador, quando comparamos com o aplicativo, acaba ficando um pouquinho para trás no quesito “dados”.

Conclusão: Parada obrigatória para todo ciclista

Ciclista segurando o guidão de uma bicicleta vermelha, em uma estrada - Foto: Pexels

Se antes você não fazia ideia de que existia uma rede social de ciclistas, agora você sabe tudo sobre a maior do mercado, que é o Strava.

Aproveite para fazer download e começar a utilizá-lo.